27 novembro 2007

S(o)colari, " o mau da fita"

Luiz Felipe Scolari, seleccionador nacional protagonizou novamente um episódio triste ao abandonar a sala de imprensa após o jogo com a Finlândia. Foi mais uma das muitas manifestações de "mau feitio" e alergia às criticas que o brasileiro tem vindo a demonstrar desde que assumiu o comando técnico da selecção nacional. Após questões dirigidas pelos jornalistas portugueses presentes sobre a qualidade do futebol que a selecção tem vindo a apresentar, Scolari abandonou a sala de imprensa visivelmente irritado soltando criticas ao comportamento dos jornalistas. A questão que se coloca é se o brasileiro tem razões para discordar das criticas ou se pelo contrário os jornalistas e comentadores estão certos ao confrontar Scolari com as por demais evidentes fracas prestações do conjunto nacional? Senão veja-se:
- Portugal sofreu até ao apito final para saber se estaria no próximo Europeu de Futebol, um golo da Finlândia no Dragão afastava os portugueses;
- Apesar da qualificação, quedou-se pelo segundo lugar atrás da mediana Polónia, sem qualquer vitória no apuramento contra as primeiras classificadas no Grupo: Polónia, Finlândia e Sérvia;
- Contra equipas modestas como a Arménia, Cazaquistão e Azerbaijão não conseguiu golear e ganhou quase sempre por números escassos apresentando um futebol medíocre na grande maioria das partidas;
- Portugal tem muito provavelmente o melhor conjunto de jogadores de sempre, quase todos a jogar nos melhores clubes do mundo e dos melhores nas suas posições ( Ronaldo é candidato a melhor Jogador do Mundo 2007 para a FIFA );
Face a todas as posições que coloquei ainda acham que devemos proteger Scolari das críticas? O seleccionador apesar dos bons resultados anteriores, aos quais não ficam isentos a qualidade dos jogadores, tem o dever de colocar Portugal a jogar bom futebol, a conseguir bons resultados e trazer o título de Campeão Europeu que perdeu para a Grécia em 2004. Depois de uma qualificação atribulada,depois do evitável soco a Dragutinovic, depois de todas as quezílias com o FC Porto é hora de Scolari mostrar as credenciais de que veio rotulado ( e não falo do mau feitio ) e justificar os cerca de 200 mil euros mensais que ganha.

Sem comentários: