25 julho 2008

Hulk , incrivelmente, a caminho do Dragão!

Givanildo Sousa, baptizado para o futebol de "Hulk" é reforço do FC Porto. Com 22 anos, e depois de duas boas épocas na Liga Japonesa ao serviço do Tokyo Verdy ao serviço da qual marcou 69 golos em 72 jogos, ingressa no Porto a troco de uma verba de 5,5 milhões de euros por 50% do passe, com um contrato de 4 anos e uma cláusula de rescisão de 40 milhões de euros. Givanildo tem 1,78 e pesa 68 kg, apresenta-se como um avançado móvel, com enorme capacidade técnica e de choque, forte no um para um e com um portentoso e certeiro remate. Sendo um perfeito desconhecido do futebol ocidental, é possível verificar pelos contornos do negócio que Givanildo será uma grande aposta da equipa técnica e da administração para o reforço do plantel principal. São precisamente os contornos do negócio que criam estupefacção e "surpresa": 5,5 milhões por 5o% do passe de um verdadeiro desconhecido; o passe do atleta pertencia não ao Tokyo Verdy mas ao Club Atlético Rentistas do Uruguai, um clube da 2ª divisão que habitualmente é utilizado por Juan Figger, empresário FIFA que intermediou o negócio, para colocar jogadores no mercado europeu como aconteceu com Tiuí do Sporting.
Mais nuvens a ensombrar os negócios da administração portista! Com Rentería, Pitbull, Adriano e ainda os jovens Rabiola e Candeias com contrato haveria mesmo necessidade de recorrer ao mercado?
Pelos valores do negócio não seria possível adquirir jogadores consagrados como: Saviola ( Real Madrid ), Falcão ( River Plate ), Cavenaghi ( Bordéus ) Cláudio Pizarro ( Chelsea ); Farfán ( PSV ) Nilmar ( Internacional Porto Alegre ), Fred ( Lyon ) Briand ( Rennes ) , Elmander ( Bordéus ) ou até Roland Linz ( Braga ); jovens de largo futuro como: Lulinha ( Corinthias ), Dentinho ( Corinthias ), Ricardo Vaz Tê ( Bolton ) ???
Estes sim, poderiam causar alguma surpresa positiva por parte de Pinto da Costa, já negócios chorudos e obscuros com empresários de futebol sul-americanos são a bitola que pautam as contratações das épocas pós Mourinho!

Sem comentários: