03 fevereiro 2008

Retorno à normalidade...

A jornada 18 veio demonstrar a anormalidade que se viveu no fim de semana passado e demonstrar que no futebol português a única equipa que consegue ganhar com regularidade é efectivamente o Futebol Clube do Porto, depois do empate caseiro do Benfica e da derrota do Sporting no campo do Belenenses.
Depois da derrota na "toca" do leão, os azuis feridos no seu orgulho fizeram questão que o último classificado fosse brindado com uma goleada. Ernesto Farias foi desta feita titular no onze inicial, a primeira vez desde que chegou ao Porto, tendo demonstrado com dois golos os créditos que fizeram dele um avançado temível na finalização no país das "pampas" e que Jesualdo Ferreira cometeu um enorme lapso ao deixá-lo de fora em Alvalade. Mal o apito do árbitro soou, o Porto partiu ao ataque e na primeira jogada do jogo fez golo: Farias fez balançar as redes após um cruzamento de Quaresma, mas o árbitro auxiliar e correctamente marcou fora de jogo ao 19 portista. O festival continuaria logo de seguida, com Bosingwa aos 17 minutos numa arrancada impressionante a rematar de fora de área para o primeiro golo, ainda que a bola tenha tocado em Farias. O golo seria atribuido entretanto a Bosingwa, mas teria que ser invalidado pois Farias em posição irregular toca a bola desviando-a de Fernando. O argentino teria a sua oportunidade para facturar 7 minutos depois, num bom golpe de cabeça, mas o seu melhor estaria para chegar aos 64 minutos e novamente num golpe de oportunismo aéreo após cruzamento de Quaresma. Pelo meio, Lisandro facturou o seu 14º golo , numa jogada de envolvimento do 9 azul e branco com Lucho González que o coloca na cara de Fernando com um passe magistral. A goleada estava lançada ainda antes dos jogadores recolherem ao balneário para a segunda parte, dando tempo para que Jesualdo lançasse na segunda metade Mariano e Adriano, mas o destaque maior vai para a estreia absoluta de Castro na equipa por troca com Paulo Assunção. Um produto das escolas do Porto que agora se estreia na equipa, depois das boas exibições na Liga Intercalar e nas selecções nacionais jovens.

Sem comentários: