25 junho 2007

Nuno e os Guarda-Redes da Formação

O FC Porto optou por assinar novamente contrato com Nuno Espírito Santo que na segunda metade da época representou o Desp. das Aves depois de rescindir com o Dínamo de Moscovo. A contratação deste experiente Guarda-Redes colocou-se com o anúncio do final de carreira de Vitor Baía aos 37 anos e com uma história recheada de conquistas ao mais alto nível. Mas haveria necessidade efectiva de contratar? Esta questão levanta-se com a qualidade dos jovens guardiãos portistas como Bruno Vale , Paulo Ribeiro e Ventura.

Bruno Vale tem sido emprestado de há dois anos a esta parte a clubes da Primeira Liga e estaria certamente neste ano em condições de assegurar o seu lugar no plantel depois da boa imagem deixada nos clubes onde evoluiu ( Estrela e Leiria).



Paulo Ribeiro foi contratado ao Vitória de Setúbal para assumir o lugar de 3º guarda-redes no plantel, tapado que estava por Baía e Helton, este ano poderia também ele disputar o lugar de 2 guarda-redes com Bruno Vale ou Ventura, deve no entanto ser emprestado.



Hugo Ventura é um jovem de enorme talento, campeão nacional de juniores e a quem foi concedido um lugar no plantel da próxima época, depois de ter integrado alguns treinos da equipa principal na temporada anterior.



Para esta posição a minha opinião é a de que o Porto não precisava de ir ao mercado, mas sim rentabilizar os jovens que possui e dar-lhes oportunidades de se mostrarem, uma vez que, esta época haverá três troféus em disputa a nível nacional ( Campeonato, Taça de Portugal e Taça da Liga). A ficar Ventura no plantel emprestar-se-ia ou vender-se-ia um dos restantes ( Bruno Vale tem muito mercado), sendo que Helton seria o titular da baliza.
Uma vez mais, os interesses de empresários levaram o Porto a optar por uma má solução, uma vez que o salário de Nuno é sensivelmente mais elevado que o de qualquer um dos outros, estes serão apenas moeda de troca para contratações ou colocados em clubes estratégicos como o Leixões, pertencendo à extensa lista de jogadores com contrato com o clube portista que todos os meses enchem a folha salarial.

Sem comentários: