07 dezembro 2007

Porto ultrapassa fantasmas das taças...

Foi um Porto remodelado o que se apresentou no relvado do Estádio do Desportivo de Chaves, com nove alterações ao onze titular. Jesualdo Ferreira apostou na rotatividade que tantas vezes tem criado dissabores aos azuis nas taças, basta recordar o Atlético e mais recentemente o Fátima. Assim, deixou Hélton, Bosingwa e Quaresma de fora dos convocados e apresentou a equipa da seguinte forma: Nuno; Fucile, João Paulo, Pedro Emanuel e Lino; Bolatti, Leandro Lima e Kazmierczak; Mariano, Postiga e Adriano.
Desta vez os menos utilizados azuis e brancos foram capazes de ganhar o jogo, ainda que apenas na segunda parte e depois da entrada do inevitável Lucho, este Porto parece incapaz de ganhar sem ele na equipa. Numa primeira metade amorfa e sem grandes motivos de interesse os flavienses ainda lograram criar algumas jogadas de perigo perto da baliza de Nuno, mas não houve taça em Trás os Montes. Ao abrir a segunda parte Postiga colocou o Porto a vencer aos 52 minutos depois de mais uma assistência de Kaz e Adriano ao cair do pano resolveu a contenda. Segue o Dragão na Taça de Portugal...

Sem comentários: